Como abrir uma empresa de Prestação de Serviços

Se você tem interesse em abrir uma empresa de prestação de serviços, fique atento ao nosso artigo, pois falaremos sobre o assunto e indicaremos alguns pontos importantes durante este processo.

Segundo um levantamento do IBGE, o ramo de prestação de serviços é o que mais conta com empresas registradas no país. Isso faz com que esta área se torne se suma importância para a economia do país. Além disso, a cada ano, o ramo atrai mais empreendedores e isso porque o setor de serviços abrange uma grande quantidade de profissões. Vamos às dicas:

1 – Escolha um bom nome

Existem duas maneiras de se abrir uma empresa nesta área: sendo um profissional técnico ou não tendo formação, mas possuindo um equipe que a tenha.

Antes de buscar a formalização, será necessário pensar em um nome e para isso, o ideal é que você pesquise se na sua região já não existe. Outro ponto é que deve ser um nome que chame atenção dos clientes e fique marcado.

2- Escolha um regime tributário

Essa parte é um pouco mais burocrática e possivelmente você precisará do auxílio de um contador. Aqui você precisará analisar o seu negócio para saber em qual regime tributário sua empresa se encaixa, seja Lucro Presumido, Lucro Real ou Simples Nacional.

3 – Busque a formalização

Após a escolha do regime tributário, você precisará se formalizar. Verifique na prefeitura de sua cidade quais os documentos necessários para iniciar. A formalização é importante, pois com isso você poderá conseguir crédito para ampliar o seu negócio e poderá emitir notas fiscais, o que te dará mais credibilidade.

4 – Faça um plano de negócios

Faça um plano de negócios bem detalhado. Na internet é possível encontrar o modelo, inclusive no próprio Sebrae. O plano de negócios servirá como um guia para sua empresa e o ideal é que você consiga segui-lo o mais fielmente possível.

5 – Elabore um Contrato Social

Elabore um contrato social, mas para isso, a ajuda de um advogado especializado na área será muito bem vinda. Caso você possua sócios, indique no contrato os valores investidos por cada um e assim evite problemas futuros.

6 – Licenças e Alvarás

Busque informações sobre todos os documentos solicitados pela prefeitura de sua cidade. Providencie o quanto antes todas as licenças e alvarás solicitados e evite problemas com a fiscalização.

7 – Terceirize

Caso você decida terceirizar seus colaboradores, fique atendo às leis da terceirização. Fique bem informado e avalie se o seu negócio se encaixa bem a esta forma de trabalho.